ÚLTIMAS NOTÍCIAS / Saúde

No Dia do Médico, acompanhe uma entrevista cedida pela Dra. Krysten Karla, a primeira curiuvense a formar-se em Medicina

Sexta-feira, 18 de outubro de 2013

Visualizada 420 vezes

Dra. Krysten Karla fez Medicina na UFPR e voltou exercer a profissão em Curiúva


A.I- Quando começou a pensar na faculdade de Medicina? Por quê?

Dra. Krysten -Comecei a pensar em fazer medicina na 6º série do ensino fundamental, porque eu queria ajudar as pessoas e fui pensando que através da medicina isso seria possível. Um médico amigo nosso me chamou pra assistir algumas cesarianas e foi aí que decidi encarar os estudos para conseguir passar no vestibular. A partir da 8ª série estudei em Curitiba e fiz cursinho pré-vestibular. No final do ensino fundamental passei para a Escola Técnica da UFPR e fiz o Ensino Médio lá. No final do 3º ano, fiz cursinho, mas infelizmente não passei no vestibular, então estudei mais um ano inteiro, e aí sim, consegui.

 

A.I - Você concluiu seu curso na faculdade mais antiga do Brasil e por sua vez muito conceituada. Qual o maior obstáculo enfrentado para chegar e para "sair" de lá?

Dra. Krysten - Sem dúvida o maior obstáculo para chegar na UFPR foi a distância da família. Minha família ajudou muito, como podiam, mas a distância é complicada. Também é muito difícil deixar de fazer coisas que você gosta para estudar e isso causa muito mais stress, tem que balancear. O curso em si exige muito do aluno, você tem aula em período integral, o que dificulta as atividades fora da faculdade, tem plantões noturnos sem descanso, tem muita matéria, muito conteúdo, muitas provas, enfim. A dedicação tem que ser intensa, o que é muito difícil. Porém, as recompensas são enormes e traz muita satisfação. Entre um abraço de uma criança e um muito obrigado você vai vendo que vale a pena todo o esforço.

 

A.I - Alguma vez pensou em abandonar o curso? Teria uma segunda opção de profissão?

Dra. Krysten - Sim, já pensei em abandonar o curso. No auge da exigência da faculdade, das dificuldades, do sofrimento e da distância da família já pensei em abandonar, porém não via outra opção que me fizesse feliz e aguentei tudo isso para realizar o meu sonho.

 

A.I - Pretende se especializar em alguma área? Qual e por quê?

Dra. Krysten - Pretendo fazer ginecologia e obstetrícia porque o milagre da vida é fantástico e poderei ajudar muitas pessoas.

 

A.I - Como decidiu voltar para Curiúva após a universidade?

Dra. Krysten - Curiúva é minha terra, foi aqui que nasci, cresci e aqui que quero ficar até morrer. Além do mais, amo esta cidade, nunca quis ir embora, apenas fui por necessidade e foi esta terra que me deu a chance de fazer medicina, nada mais compensador que trazer conhecimento, ajuda e progresso para quem vive aqui.

 

A.I - O que está achando do trabalho nos bairros de Curiúva?

Dra. Krysten - Estou adorando trabalhar no bairro Alecrim. As pessoas de lá me receberam muito bem, o bairro é bem tranquilo. Claro que há dificuldades, mas aos poucos vamos conseguindo ajudar todos e resolvendo os problemas.

Fonte: Assessoria de Imprensa

 Galeria de Fotos

 Outras Notícias

Horário de Atendimento: Seg. a Sex. - 08:00h às 11:30h / 13:00h às 17:30h

Av. Antônio Cunha, 81 - Cep 84280-000 - Curiuva - Pr

Última Atualização do site:  21/02/2020 09:15:54